“Abrindo os Livros”

12 jul

Pois então!

Desde o último post, iniciou-se de fato o ano fiscal LEOístico, no dia 1º de julho.

“Adeus AL velho, feliz AL novo, que tudo se realize, no AL que está nascendo…muito dinheiro no caixa, associados pra dar e vender!”

É, meu querido Kaka já deu a letra, o tom e a melodia. Chegou a hora de jogar pra valer!

Normalmente um vice-presidente estaria ‘numa relax’ num momento como esse..não dessa vez!

Ok, isso não é devido somente ao LEO… minha vida em si ta uma correria com essa história da mudança pra Santa Maria. Estive por lá desde o último sábado (2) até ontem (11), começando a organizar o meu futuro canto… Roupeiro, mesa, cama e por ai vai. Bom, pelo menos voltei pra Santo Augusto com o dever parcialmente cumprido (falta ‘só’ a entrega e a montagem…)

Voltando ao que interessa.

Meu primeiro ato ao chegar em Santa Maria no sábado foi me apresentar à jaula do LEO Clube Santa Maria, meu novo clube. E minha primeira mensalidade já foi paga! Ai de quem vier me cobrar…

No domingo, reunião do gabinete! Novamente a casa do nosso Presidente foi o local, onde dessa vez decidiram-se as datas das visitas aos clubes, o que será feito em cada visita, dentro outros detalhes. O que posso adiantar, é: VAI SER DEMAIS! As visitas serão muito produtivas. Pelo menos assim esperamos… a nossa motivação para realizar um trabalho MAGNÂNIMO (Chapecó feelings) é descomunal.

só as feras, bicho!

Passada a semana de correria, sexta feira pintou o convite: ir para Alegrete, participar da Festa Italiana promovida pelo Lions Clube Alegrete Ibirapuitã, em conjunto com o LEO.

ALGUÉM ACHA QUE EU COGITEI POR ALGUM SEGUNDO NÃO ACEITAR O CONVITE?

Bueno. Meia dia (e quinze..) partimos eu, Carlesso e Vicente (BIXO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIFRA 2011! HAHA) para a maior cidade do Rio Grande do Sul. Depois da AULA de pilotagem, chegamos por volta das 15h, e o demasiado calor que encontrei lá, quando da minha primeira estada (LEOpíadas, Outubro/Novembro de 2009) simplesmente havia desaparecido. Em seu lugar, um clima ameno durante o dia e a noite (dei uma baita sorte, um dia antes a temperatura registrada havia chegado ao negativo durante a madrugada).

Logo no início da noite, reunião do LEO Clube Alegrete Ibirapuitã! Que baita galera…todo mundo se puxando pra deixar tudo organizado pra festa do dia seguinte. E lógico que depois da reunião, rolou aqueeeela pizza! E depois da pizza…

No sábado, rolou aquele jogo da seleção..aqueela velha vadiagem e aquela correria pra chegar na hora da festa! haha

E QUE FESTA! Um baita evento, em que o povo todo do LEO se fez MUITO presente, sendo parte fundamental da organização. Melhor parte, pra mim: me deixaram trabalhar junto! E eu adoro isso… adoro me sentir útil, necessário.

aLEOgrete =)

Nota do autor: Fazendo uso das minhas atribuições como cidadão maior de idade desde 12/05, informo: até eu que nunca fui fã de vinho, aprendi a gostar!

Mas nem tudo na vida são flores.

A festa seguiu na casa do Vicente, onde rolou até twitcam na madrugada haha

Enfim, resumindo o final de semana em algumas frases:

PARCERIA PURA!

“Vamos abrir os livros!”

“Nuuuuuuuunca pude”

“Amor e carinho…(continua)”

e a mítica: “Só os gulosos podem”

HEHAIUAHIEAUHEAIUEHAIUEHAIEUAHIEUAHEIUAHEA

Sei que pouca galera vai entender tudo isso (até por que Alegrete tem um DIALETO próprio..), mas fica o registro de momentos engraçadíssimos que vão ficar marcados pra sempre!

De volta ao apartamento em Santa Maria, o dia foi bem azarado. Fiquei jogado na sala até as 6h, quando decidi dormir..Precisava acordar antes do meio dia, ligar pra comprar minha passagem e arrumar as malas.

Jura que eu acordei antes do meio dia. Jura que eu tinha crédito pra ligar pra alguém. Jura que eu arrumei as malas…

Meu ônibus partia às 15:45. Sai de casa 15:15, justamente para poder comprar a passagem antes e não ter maiores problemas..

MAS JURA QUE TINHA UM TÁXI NO PONTO..

Até encontrar um, se foram no mínimo 10 minutos. (Aqui valeu a máxima que a minha mãe sempre usa em situações assim: Quanta mais pressa, mais demora. Quando a gente tenta fazer tudo correndo, SEMPRE DA MERDA e a gente leva o dobro do tempo que levaria se tivesse tudo devagar, com calma. Enfim…)

Ai, todos os semáforos de Santa Maria resolveram se fechar com a minha aproximação..

Resultado: cheguei na rodoviária aos pontuais 15:44.

Correria. Voei com uma mala pesando uns 15 kg (chutando baixo) e uma mochila enorme até o guichê de venda de passagens.

Fila.

Ai, a guria me mandou primeiro ir ‘ali’ no box 20 ver se o ônibus ainda estava lá… OK.

Por sorte, ele estava…pedi quase chorando pra ele me esperar. Foi só ouvir o ‘tudo bem, mas rápido’ do motorista e eu disparei pra comprar a passagem.

Mais fila.

Comprei. Cheguei a tempo. Sentei no banco e FALECI no banco…Apaguei por um baita tempo, como costumo fazer em toda e qualquer viagem…

Agora, ainda estou aqui na sala, com todas as bagagens ao redor… Não to achando nem graça em ter de desfazer tudo :-(

Só pra avisar: EU AMO VIAJAR!

Só pra ninguém esquecer: EU AMO O LEO CLUBE! Ou alguém acha que seria possível eu fazer 1% de toda essa aventura, não fosse esse movimento lindo que surgiu pra mim há mais de quatro anos…

Sei lá. To bem feliz.

Ainda hoje termino a minha palavra como vice-presidente (a parte que vai anexa ao manual do meu MESTRE Carlesso).

To respirando LEO com UMA VONTADE que nunca tinha tido antes…

Hey, mundo. To vivendo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: